Por: A Tribuna
10/03/2021
09:03

Uma semana após finalizar o replante de aproximadamente 3 mil metros quadrados de grama, a construção de novos bacos de reservas  e ampliação de 80 metros de sua pista de caminhada no entorno do campo de futebol com um investimento de R$ 25 mil, o Buenópolis FC, em Morungaba, sofre com um novo problema, a  queda do seu muro as margens da rodovia SP-360. Apesar de saber que os 150 metros de muro estava comprometido a diretoria que completou um ano a frente do clube no dia 1º de março não contava com mais esse incidente justamente agora. Vale lembrar que já foram reconstruído mais 110 mts² de muro na rua Joaquim Seraphim e 122 mts² na Avenida Araújo Campos. Agora precisa se reinventar e levantar aproximadamente 40 mil reais para fechar seu estádio em meio a pior fase da pandemia e sem recursos. A esperança do clube é buscar parcerias com empresas da cidade e com seus colaboradores para juntos realizarem a reconstrução e o fechamento do seu estádio.  

De acordo com o Presidente Vadu; “Já era esperado que isso acontecesse, mas não acreditávamos que seria justamente agora. Infelizmente estamos pagando um preço muito alto para reerguer o clube, pois tudo que estamos reconstruindo, reformando e arrumando é fruto da falta de manutenção e abandono dos últimos anos. Porém, quando a nova diretoria assumiu, sabia da situação ruim em que o estádio se encontrava, mas não imaginava que estava tão abandonado assim. Agora, só resta para nós buscar ajuda com empresas e com nossos colaboradores para juntos encontrar a melhor saída e construir um novo muro para solucionar este grande problema”.

Pedir ajuda

Segundo a diretoria, o ideal seria organizar eventos para arrecadar recursos, porém neste momento isso não é possível devido a pandemia, então só resta aos alvi-verdes pedir ajuda e achar soluções emergenciais. O primeiro passo já foi dado, que era obter o orçamento para a construção de um muro pré moldado e a partir de agora os diretores estão se mobilizando, agendando reuniões com os empresários da cidades e também com possíveis colaboradores para  levantar os recursos necessários. Enfim, nos próximos dias os diretores irão se reunir novamente e definir um plano de ação e uma data para concluir a obra, a qual, está prevista para agosto. Uma das saídas encontradas até o momento será a venda de “propagandas antecipadas”, onde serão vendidas 25 propagandas de 6 metros de comprimento por 1,20 de largura no valor de R$ 1.000,00 cada uma, em dois pagamentos de R$ 500,00.

Na oportunidade cada colaborador receberá um contrato de publicidade com duração de dois anos. Alguns contatos já foram realizados e as vendas começam na próxima segunda feira. Os interessados em divulgar seu comércio no novo muro as margens da rodovia podem entrar em contato pelo fone (11) 99966-1222 e falar com Júlio.


  Compartilhar

Assinar o Jornal



Identificação do Assinante


Digite nos campos abaixo o seu e-mail ou CPF de cadatro em nosso site e sua senha de acesso.


Esqueceu o seus dados? Fale com a gente!

Assinatura