Por: A Tribuna
27/04/2021
14:20

Na última segunda-feira, 26 de abril, as escolas particulares de Amparo voltaram a receber alunos, enquanto as escolas municipais e estaduais terão o retorno das aulas presenciais no dia 3 de maio. A volta às aulas presenciais para os alunos dos ensinos Infantil, Fundamental e também os alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA) aconteceu depois que foi publicado o Decreto Municipal nº 6.267, de 22 de abril, que determinou a retomada gradual das aulas e atividades presenciais das redes pública e privada de ensino de Amparo.

O decreto foi assinado pelo prefeito municipal Carlos Alberto Martins (MDB) depois de ampla discussão com a equipe de Secretaria Municipal de Educação e a Comissão de Planejamento de retorno das aulas presencias pós-pandemia, além de considerar todas determinações elaboradas pelo Governo do Estado de São Paulo.

A Secretaria de Educação vai monitorar diariamente, juntamente com as equipes de Fiscalização Sanitária, a saúde e sintomas dos funcionários e alunos das escolas para evitar qualquer possível transmissão do coronavírus. Além disso, também será retomada a testagem dos profissionais, de acordo com a organização prévia da Secretaria Municipal de Saúde.

Aulas mistas

No retorno gradual às aulas presenciais, será ofertado aos alunos o ensino híbrido, com a associação de atividades presenciais e remotas, sempre favorecendo o processo de construção do conhecimento.

As salas de aulas terão um limite de capacidade do número de alunos, de acordo com os protocolos sanitários específicos para a área da educação, bem como os definidos para a área de classificação do município no Plano São Paulo. Cada escola, pública e privada, será responsável por definir a estratégia de retorno, a forma de atendimento presencial e os critérios de alternância de grupos, a fim de manter o distanciamento social.

Além das escolas realizarem aulas com número reduzido de alunos em cada sala para evitar aglomerações, todas as medidas de higiene e distanciamento também serão cumpridas. As aulas serão em jornada reduzida com entradas e saídas dos alunos em horários escalonados para evitar aglomerações. A escola disponibilizará álcool gel para todos os alunos, as carteiras dentro das salas de aulas serão espaçadas e a merenda será realizada com pratos prontos para cada criança, evitando que elas tenham contato próximo entre si. Os intervalos serão feitos com revezamento das turmas, e o transporte escolar funcionará com capacidade reduzida, com média de 6 alunos por van. 

Férias adiantadas

Durante a sessão na Câmara Municipal, realizada na tarde de segunda-feira, 26 de abril, o vereador Edilson Chave dos Santos (DEM) comentou que o prefeito de Jaguariúna optou pelo adiantamento das férias de julho para o mês de maio, para dar mais tempo aos profissionais e para que as aulas não tenham que parar novamente devido as férias do meio do ano. “Essa ideia é boa porque para voltar as aulas é preciso todo um preparo pedagógico, e de que adianta voltar agora e ter que parar em julho para as férias dos alunos. Por isso ele antecipou as férias para depois seguir sem interromper o trabalho pedagógico” disse o vereador na Tribuna Livre.

Segundo o vereador Edilson, essa é uma sugestão para a secretaria municipal de educação e para o prefeito.


  Compartilhar

Assinar o Jornal



Identificação do Assinante


Digite nos campos abaixo o seu e-mail ou CPF de cadatro em nosso site e sua senha de acesso.


Esqueceu o seus dados? Fale com a gente!

Assinatura
situs togel slot agen toto 4d togel macau slot mahjong wayz srbnews.id bandar togel online slot demo habanero situs slot pg soft wahtogel wahtogel unsurtoto unsurtoto unsurtoto unsurtoto unsurtoto unsurtoto situs togel online situs togel online togel macau togel slot oryornoi naturalmarkeet mgjakartaselatan jaigurudevashrammathura bo togel agen toto electrokwt