Por: A Tribuna
11/08/2021
10:08

Neste domingo 15 de agosto será comemorado o “Dia do Atirador Amparense” instituído no Calendário Oficial de Eventos do Município através da Lei Nº 4000 de 26 de fevereiro de 2019; aprovado por unanimidade pela Câmara Municipal de Amparo. O Grupamento de Atiradores Reservistas de Amparo (GARAM) promoverá nesta data, uma atividade Cívico-Militar para comemorar a data.

A programação será a seguinte: às 9h30, concentração do Garam na Praça Pádua Salles defronte ao Monumento Votivo em Homenagem aos Expedicionários Amparenses que lutaram na 2ª Grande Guerra Mundial. Na sequência canto do Hino Nacional e palavras alusivas ao Dia do Atirador Amparense. Encerramento = Música: Canção do Expedicionário.

Logo depois o Grupamento Garam se dirigirá a residência da professora Nair Mattioli Carioba – Madrinha da Força Expedicionária – FEB – Setor de Amparo, onde será prestada uma singela homenagem.

O GARAM

O Grupamento de Atiradores Reservistas de Amparo (GARAM) foi criado em 2010 por um grupo de reservistas das Forças Armadas, que se reuniram para participar exclusivamente do Desfile Cívico alusivo ao Dia da Pátria.

Aplaudidos pelos cidadãos com entusiasmo pelos munícipes, devido á galhardia e o garbo juvenil daqueles reservistas, fez com que o 1º Sargento Moisés Freitas ao sentir o desejo dos reservistas do Exército Brasileiro, que mantinham acessa a chama de reviverem o orgulho de poderem participar de um evento de tamanha magnitude para a Pátria, incentivasse a formação permanente do Grupamento. Nascia o GARAM, propiciando aos entusiastas poderem retornar ao Tiro de Guerra para assim reviverem os tempos em que serviram a organização militar do exército brasileiro.

O GARAM teve o seu Estatuto aprovado e consta nos registros do 2º Cartório de Registros e Títulos de Amparo –Sp sob o número: 23.709,folhas 274 vº livro B- 112 (TD).É uma entidade civil, sem fins lucrativos e sem vínculo direto com as Forças Armadas e tem como objetivo manter acessa a chama do orgulho e a dignidade de terem  servido o Brasil.

O Grupamento tem como Patrono o Cabo R 2 – Carlos Picollo falecido em 04 de julho de 2016 e  ele foi agraciado por ter sido o primeiro comandante .

Atualmente o comandante do Garam é o Cabo Reservista, Marcio da Silveira Botelho Júnior. O Grupamento é formado por reservistas e também por militares reformados das Forças Armadas e simpatizantes.

E participam de atividades cívico-militares e estão preparados para atuarem campanhas de benemerência e sócio-educativas e também apoio em casos de emergências e calamidade pública.

O lema do GARAM é ”Não importa o tempo que passe, o amor a farda nunca acaba, uma vez soldado, sempre soldado!”.


  Compartilhar

Assinar o Jornal



Identificação do Assinante


Digite nos campos abaixo o seu e-mail ou CPF de cadatro em nosso site e sua senha de acesso.


Esqueceu o seus dados? Fale com a gente!

Assinatura