Por: A Tribuna
08/03/2021
14:03

O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP) abriu processo de adesão de 40 municípios com Ciretrans ao modelo de integração com o Poupatempo, considerado o serviço público mais bem avaliado de São Paulo. Entre as cidades incluídas está Amparo.

Inovador, o novo formato de atendimento já foi implementado em 82 unidades do Poupatempo e deverá chegar a 340 até 2022, oferecendo 242 serviços digitais. Esta reestruturação operacional possibilitará ao Estado alcançar uma economia de cerca de R$ 100 milhões por ano. 

Entre as cidades selecionadas estão Embu das Artes, Matão, Pirassununga, Vargem Grande do Sul, Ferraz de Vasconcelos, Atibaia, Santana do Parnaíba, Cubatão, Valinhos, Jandira, Ribeirão Pires, Paulínia, Itanhaém, Mairiporã, Santa Fé do Sul, Cajamar, Ibiúna, Caçapava, Itapira, Arujá, São Roque, Jaboticabal, Cosmópolis, Cruzeiro, Pirassununga e Amparo, Batatais, entre outras. 

"Os serviços prestados pelo Detran.SP e incorporados à gestão do Poupatempo serão capazes de reduzir a demanda presencial e aumentar a procura por meio dos canais digitais tornando assim o atendimento ainda mais ágil e eficiente para facilitar o dia a dia do cidadão", afirma Ernesto Mascellani Neto, diretor-presidente do Detran.SP.

“A interlocução com os prefeitos é fundamental para que a integração dos serviços do Poupatempo e das Ciretrans ocorra de forma eficaz, resultando num atendimento de excelência ao cidadão”, afirma o vice-governador e secretário de Governo, Rodrigo Garcia.

Existem contrapartidas que as Prefeituras Municipais precisam adotar antes da oficialização da integração: o poder municipal deve apresentar um imóvel e providenciar as adequações estruturais necessárias, de acordo com o projeto básico estabelecido. 

Dentre elas, o local deve possuir uma boa localização e visibilidade, ser de fácil acesso ao público, localizado na região central da cidade com opções de transporte público que facilitem o acesso aos cidadãos e funcionários portadores de deficiência, e garantir condições de conforto ambiental, quanto à temperatura e ruído no local.

Cada unidade deve ser compatível com a capacidade de atendimento ao público de seu município, que varia de local para local. Os municípios com 20 a 70 mil habitantes, devem possuir estabelecimentos com área mínima de 200m², por exemplo.  Já os que possuem mais de 70 mil habitantes, devem ter no mínimo 300m².

Com a pandemia de coronavírus, o processo de transformação do Detran.SP foi impulsionado. Ao longo de 2020, o departamento ampliou em 72% a quantidade de serviços digitais disponíveis, saindo de 43, em 2019, para 74, até o início deste ano. O objetivo é oferecer ao cidadão, tecnologia e soluções inovadoras que tragam comodidade e autonomia.


  Compartilhar

Assinar o Jornal



Identificação do Assinante


Digite nos campos abaixo o seu e-mail ou CPF de cadatro em nosso site e sua senha de acesso.


Esqueceu o seus dados? Fale com a gente!

Assinatura