Por: A Tribuna
28/11/2023
08:11

O município de Amparo está entre os premiados na 5ª edição do “Município Agro – Ranking Paulista”, que bonifica as melhores políticas públicas em prol do setor agrícola. É a primeira vez que a cidade atinge uma pontuação significativa estabelecida pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento de São Paulo.

Amparo conquistou a 87ª posição dos 292 municípios participantes e receberá uma bonificação de R$ 30 mil, que será destinada em ações e melhorias na zona rural.

Os vencedores foram mencionados nesta sexta-feira, 24 de novembro, durante o SP Agro, no Palácio dos Bandeirantes, com a presença do governador de São Paulo, Tarcisio de Freitas, e do secretário de Agricultura, Guilherme Piai.

O prefeito de Amparo, Carlos Alberto Martins (MDB), o secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico e Agronegócio, Paulo Fernandes; e a veterinária da secretaria de Desenvolvimento Econômico e Agronegócio, Mariana Ribeiro, participaram do evento.

As ações e atividades realizadas na área rural de Amparo entre o período de 2022/2023 contribuíram para que a cidade atingisse uma pontuação expressiva, resultando na participação da premiação.

“Conseguimos esses resultados com o envolvimento de várias unidades da Prefeitura como da saúde, educação, serviços públicos, defesa civil, segurança no campo e todos colaboraram para que Amparo conseguisse essa pontuação. Além da parceria com Casa da Agricultura de Amparo que está presente em muitas das atividades”, ressaltou Paulo Fernandes, secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Agronegócio.

Premiação

O programa distribuiu mais de R$ 5 milhões em prêmios para centenas de cidades do interior do Estado inscritas e tem como objetivo premiar por mérito e transparência e ampliar o acesso aos serviços essenciais à população rural, visando a promoção da cidadania no campo e desenvolvimento socioambiental.

O prêmio foi dividido entre as cidades da seguinte forma: R$ 400 mil para o 1º lugar, R$ 300 mil para o segundo colocado e R$ 200 mil para o 3º. Os municípios que ficarem do 4º ao 107º lugar dividiram o restante do valor.

Entre as cidades que se inscreveram no programa, 107 pontuaram por meio do Sistema Estadual de Desenvolvimento Rural Sustentável (Sedrus).

Os escolhidos foram avaliados de acordo com critérios técnicos, onde mais de 60% da pontuação é decorrente de atividades de gestão, deliberados pelo Grupo de Trabalho responsável pelo projeto, no âmbito do desenvolvimento e da implantação de ações para o agronegócio.


  Compartilhar

Assinar o Jornal



Identificação do Assinante


Digite nos campos abaixo o seu e-mail ou CPF de cadatro em nosso site e sua senha de acesso.


Esqueceu o seus dados? Fale com a gente!

Assinatura