Por: Fonte: Garagem360
16/01/2023
16:01

A partir deste ano, já será possível adquirir pneus com até 70% da composição sustentável. Já o produto 100% ecologicamente correto deve ser apresentado ao mercado até 2030.

A Goodyear apresentou um pneu de demonstração com 90% de materiais sustentáveis. Ou seja, trata-se de um produto de material de base biológica/renovável, reciclado ou que pode ser produzido usando ou contribuindo para outras práticas sustentáveis para conservação de recursos e reduções de emissões.

O pneu já passou por todos os testes para circular nas ruas e estradas, bem como nos testes internos da empresa.

O modelo também foi testado para ter menor resistência ao rolamento quando comparado ao pneu de referência, feito com materiais tradicionais. A menor resistência ao rolamento significa que o produto tem potencial para oferecer maior economia de combustível e uma menor emissão de carbono. No ano passado, a Goodyear apresentou um pneu feito com 70% de material sustentável. Agora, a ideia é que esse novo modelo, que já está com a sua base de fornecedores sendo trabalhada, comece a ser vendido em 2023.

Porém, de acordo com a marca, para trazer um pneu com 90% de material sustentável ao mercado, há necessidade de maior empenho da base de fornecedores para identificar a escala necessária de uso dos materiais inovadores em grandes volumes.

Novidade vai estrear até 2030

A meta é introduzir o primeiro pneu 100% sustentável na indústria até 2030. E os resultados do ano passado nessa direção foram fundamentais para a Goodyear seguir nesse objetivo. Nesse meio tempo, o pneu considerado 90% sustentável também deve ser lançado, ainda sem previsão de data.

Conforme explica a fabricante, há 17 ingredientes no pneu com 90% de material sustentável em 12 diferentes componentes.

O carbono incluído nos pneus para reforço do composto e para ajudar a aumentar a sua vida útil é tradicionalmente produzido pela queima de vários derivados de petróleo. O novo pneu, porém, apresenta quatro tipos de carbono que são produzidos a partir de matérias-primas de metano, dióxido de carbono, óleo vegetal e óleo de pirólise de pneus em fim de vida.

Essas tecnologias visam emissões reduzidas, circularidade e o uso de carbonos de base biológica, ao mesmo tempo em que oferecem desempenho.

O uso de óleo de soja ajuda a manter o composto de borracha do pneu flexível em mudanças de temperatura. Nesse caso, o produto é um recurso de base biológica que ajuda a reduzir o uso de materiais à base de petróleo pela Goodyear.

Enquanto quase 100% da proteína de soja é usada em aplicações de alimentos e de ração animal, sobra um excedente significativo de óleo disponível para uso em aplicações industriais.

A sílica é um ingrediente frequentemente usado em pneus para ajudar a melhorar a aderência e reduzir o consumo de combustível. O pneu de demonstração inclui uma sílica de alta qualidade produzida a partir de resíduos de resíduos de casca de arroz, um subproduto do processamento do arroz que geralmente é descartado e colocado em aterros sanitários.

O poliéster é revertido com o uso de produtos químicos a partir das garrafas plásticas de consumo geral. O poliéster tem capacidade técnica para ser usado nos cordões dos pneus.

As resinas são usadas para ajudar a melhorar o desempenho da tração do pneu. Neste pneu de demonstração, as resinas tradicionais à base de petróleo são substituídas por resinas biorrenováveis de pinheiro.

Os fios do talão (parte lateral do pneu) e os cabos de aço usam o processo de fabricação EAF (do inglês electric arc furnace, que, na tradução para o português, é chamado de “Forno Elétrico a Arco”). Um método moderno de fabricação, que opera com aço já produzido.

O processo por EAF também tem potencial para reduzir as emissões de gases de efeito estufa em comparação com o método de produção do aço em alto-forno.

Hoje, oito linhas de produtos e alguns pneus de corrida incluem óleo de soja. Além disso, a Goodyear mais que dobrou seu uso de sílica RHA em suas linhas de produtos desde 2018.


  Compartilhar

Assinar o Jornal



Identificação do Assinante


Digite nos campos abaixo o seu e-mail ou CPF de cadatro em nosso site e sua senha de acesso.


Esqueceu o seus dados? Fale com a gente!

Assinatura