Por: A Tribuna
26/08/2020
09:08

Com receio de que falte pessoal para garantir a realização das eleições municipais deste ano, a Justiça Eleitoral lançou uma campanha para incentivar a inscrição voluntária de mesários. O principal objetivo é tranquilizar as pessoas ao reforçar que o TSE vai colocar equipamentos de proteção à disposição dos mesários. Eles terão acesso a máscaras cirúrgicas descartáveis, proteções do tipo face shield, álcool em gel para as mãos e desinfetante para o ambiente da seção eleitoral. O local de votação será demarcado para garantir o distanciamento social. Além disso, o treinamento dos mesários que era feito presencialmente em eleições anteriores, agora será feito pela internet sempre que for possível. 

Para ser mesário, o eleitor deve ter mais de 18 anos e estar em situação regular com a Justiça Eleitoral. Não podem ocupar a oposição: candidatos e parentes de até segundo grau, membros executivos de diretórios de partidos políticos, autoridades, policiais, funcionários que ocupam funções de confiança no Executivo e funcionários do serviço eleitoral. 

O trabalho de mesário não é remunerado. É oferecido auxílio alimentação e dois dias de folga para cada dia trabalhado e para dia de treinamento. Em concursos públicos, ter sido mesário é critério de desempate.

A campanha do TSE conta com a participação do médico Drauzio Varella.


  Compartilhar

Ler mais notícias em Política

Assinar o Jornal



Identificação do Assinante


Digite nos campos abaixo o seu e-mail ou CPF de cadatro em nosso site e sua senha de acesso.


Esqueceu o seus dados? Fale com a gente!

Assinatura