Por: A Tribuna
16/08/2023
12:08

Nascido no município de Amparo, Cláudio Federicce, o Fred, desde muito cedo, para que seus pais pudessem trabalhar, foi criado na creche SEPI, permanecendo até 1987, quando entrou na Guarda Mirim de Amparo, com apenas 10 anos. Com orgulho sempre enfatiza, quando conta suas histórias, que era o número 672 (naquela época, podia-se trabalhar com 10 anos).

Fred estudou nas escolas Raul de Oliveira Fagundes, Noedir Mazzini e Rangel Pestana. Trabalhou também na antiga Malhas Pipi e Laticínios União, quando foi convidado para trabalhar no “xérox” da Desfrute, de propriedade do empresário Lázaro José Domingues, um dos responsáveis por fazer com que o jovem se apaixonasse por política.

O jovem Fred trabalhou ainda no Jornal A Cidade, de José Carlos Urbano; na Barraca de Lanches de Ronaldo Menoncelo, na Santa Casa Anna Cintra, na Laboraves e na Guarizzo Mercedes Benz. Em 1995, mudou-se para o município de Pedreira. Formado em Mecânica Geral, pelo SENAI, encontrou trabalho na Oficina Castemar. Concluiu o segundo grau na Escola Coronel João Pedro de Godoy Moreira.

Sempre querendo arrumar uma renda extra, às sextas e aos sábados trabalhava como segurança na Choperia e Discoteca do Santa Sofia. Aos domingos, participava de aulas de Teatro em Amparo, nos Grupos Gata e Arteatrando. Aos 21 anos, tornou-se vistoriador de seguros e sinistros. Casou-se em 1998 com Ana Maria Orlando Pereira (pedreirense), ano em que também fundou a Cia. Teatral Bote a Boca e nasceu o seu primeiro filho Kauê Orlando Pereira. O casal teve ainda mais dois filhos: Kauã Orlando Pereira (2004) e Kaio Orlando Pereira (2007). Diretor e professor de Teatro, contribuiu diretamente para a orientação de centenas de jovens, que receberam formação cultural e social. Foi um dos responsáveis pela fundação da Academia Pedreirense de Letras.

É proprietário do antigo Circo Encantado, atual Circo Fred Federicce. Paralelamente, é empresário no ramo de entretenimento e comunicação, com formação universitária em Administração e pós em Gestão Pública. A ideia é disputar o majoritário em Pedreira, e ela foi posta na mesa por um grupo de amigos e empresários, que tem pensado na quebra de paradigmas e busca lançar um novo nome para a política pedreirense.

 A missão desse grupo, não vai ser fácil, pois deve disputar com Fábio Polidoro, atual prefeito, e Paulo Begalli, ex-juiz de Direito, que, na última eleição, ao enfrentar Hamilton Bernardes Junior, proporcionou uma disputa acirrada. O grupo tem apostado no nome de Fred. Em avaliação se é realmente o momento de  lançá-lo a um cargo majoritário, pelo que se tem observado – diante das trocas de farpas entre os dois principais pré-candidatos –, Fred,  aos 46 anos, que já participou de campanhas e marketing de inúmeras eleições (sempre do lado tático e nunca na linha de frente), em vários municípios como: Louveira, Valinhos, Itatiba, Amparo, Serra Negra, Paulínia e Pedreira, tem sim, plenas condições de participar do pleito.


  Compartilhar

Assinar o Jornal



Identificação do Assinante


Digite nos campos abaixo o seu e-mail ou CPF de cadatro em nosso site e sua senha de acesso.


Esqueceu o seus dados? Fale com a gente!

Assinatura
situs togel slot agen toto 4d togel macau slot mahjong wayz srbnews.id bandar togel online slot demo habanero situs slot pg soft wahtogel wahtogel unsurtoto unsurtoto unsurtoto unsurtoto unsurtoto unsurtoto situs togel online situs togel online togel macau togel slot oryornoi naturalmarkeet mgjakartaselatan