Por: Brasil 61
10/08/2021
11:08

Seja para assistir uma partida de futebol, seja no happy hour depois do expediente de trabalho, ou no churrasco entre familiares e amigos, a cerveja está sempre presente nos momentos de celebração. Há quem prefira mais encorpada, outros nem tanto. Alguns vão de tradicionais, outros apelam para as especiais, mas o fato é que a cerveja já virou símbolo da descontração.

Por esse destaque, a bebida ganhou um dia especialmente dela. É na primeira sexta-feira de agosto que se comemora o Dia Internacional da Cerveja. Este ano, celebrado no dia 6.

Segundo o superintendente do Sindicato Nacional da Indústria da Cerveja (Sindicerv), Luiz Nicolaewsky, o Brasil é o terceiro maior fabricante de cerveja no mundo, atrás apenas da China e dos Estados Unidos.

“Em 2020, a produção foi de 13,3 bilhões de litros. A indústria cervejeira representa 2% do Produto Interno Bruto, R$ 27 bilhões em salários e mais de milhões de empregos diretos, indiretos e induzidos. Nossa atuação vai do campo ao copo, com impactos positivos em outros setores econômicos, como o agronegócio, transporte, energia, entre outros”, pontua.

“A cerveja tem uma história fascinante. Foi descoberta de forma ‘acidental’ há mais de dez mil anos e é apreciada desde as idades Antiga, Média e Contemporânea. Essa trajetória milenar ganhou o paladar e a paixão do mundo e de todos os brasileiros", destaca Nicolaewsky.

A estudante de direito, Ana Paula Brendler, tem 21 anos e já provou que realmente é uma amante da cerveja. Moradora de Palmas, em Tocantins, ela saiu do Brasil e foi até Munique, na Alemanha, apreciar novos sabores da bebida. Ela diz que foi uma experiência incrível, uma vez que, na ocasião, também provou o gosto da cerveja de outros países.

“Em cada região ela tinha um sabor diferente, que marcava muito a cultura de cada país. Isso é o que faz a cerveja ser tão diferente. É como um vinho, pois você a aprecia, cheira, sente os sabores. E, assim, proporciona um momento bom com seus amigos, com sua família, apreciando aquela bebida maravilhosa”, considera.

A escolha do dia

Criada em 2007 em Santa Cruz, na Califórnia, a data passou a ser estabelecida após o americano e amante de cerveja, Jesse Avshalomov, compartilhar a ideia com três amigos e convencer o seu bar preferido a fazer uma festa de comemoração.

Inicialmente, celebrava-se o dia em 5 de agosto. No entanto, depois da edição de 2012, a comemoração passou a ser feita na primeira sexta-feira de agosto. Para a mudança, os idealizadores levaram em conta alguns aspectos: reunir-se com parceiros para saborear a cerveja, celebrar os responsáveis pela sua fabricação, servi-la, e comemorar os tipos de cerveja de todas as nações em um único dia


  Compartilhar

Assinar o Jornal



Identificação do Assinante


Digite nos campos abaixo o seu e-mail ou CPF de cadatro em nosso site e sua senha de acesso.


Esqueceu o seus dados? Fale com a gente!

Assinatura