Por: A Tribuna
01/08/2023
14:08

Diligências promovidas, em especial consultas nas redes sociais e quebra de sigilo telemático, levaram ao indiciamento, pela Polícia Civil em Serra Negra, de suspeitos pelas pichações das paredes do prédio do Grande Hotel Serra Negra, no Morro do Fonseca, em Serra Negra.

O local pertence à Serra Negra Empresa de Turismo S/A (Senetur) da qual a Prefeitura de Serra Negra detém cerca de 81% das ações e ao Fungetur, do Ministério do Turismo, com aproximadamente 19%.

O crime ocorreu na madrugada de 19 de abril. Um inquérito policial foi instaurado pelo Delegado Rodrigo Cantadori e as investigações tiveram início. O principal investigado reside em Serra Negra, na região do Portal dos Brottos.

Segundo o procurador jurídico da Prefeitura de Serra Negra Christian Capato, “a responsabilização criminal dos indiciados apontados no inquérito policial está sendo apurada em processo em trâmite na Comarca de Serra Negra”, processo tem feito nº 1500370-60.2023.8.26.0595. “A restituição dos danos causados está sendo analisada pela Senetur e pelo município, que adotarão as medidas legais cabíveis para a reparação dos danos ou a restituição do prédio no estado em que se encontrava antes da pichação.”


  Compartilhar

Assinar o Jornal



Identificação do Assinante


Digite nos campos abaixo o seu e-mail ou CPF de cadatro em nosso site e sua senha de acesso.


Esqueceu o seus dados? Fale com a gente!

Assinatura
situs togel slot agen toto 4d togel macau slot mahjong wayz srbnews.id bandar togel online slot demo habanero situs slot pg soft wahtogel wahtogel unsurtoto unsurtoto unsurtoto unsurtoto unsurtoto unsurtoto situs togel online situs togel online togel macau togel slot oryornoi naturalmarkeet mgjakartaselatan jaigurudevashrammathura bo togel agen toto electrokwt