Por: A Tribuna
03/09/2020
15:09

Por volta da meia noite de domingo, 23 de agosto, a Guarda Civil Municipal (GCM) de Amparo foi acionada para paralisar uma festa que estava acontecendo em uma chácara no bairro Vale Verde. Os guardas foram acionados por C.N.F., proprietário da chácara, que alegou ter alugado o espaço para uma festa de aniversário, para no máximo 25 pessoas, mas que recebeu diversas fotos que mostravam muito mais pessoas na festa. “Minha filha começou a receber fotos da chácara lotada, e ficou sabendo que estavam cobrando entrada por se tratar de um baile funk” disse o proprietário da chácara.

Segundo contagem dos GCMs o local tinha aproximadamente 200 pessoas e a responsável por alugar a chácara disse que alugou o espaço para comemorar um aniversário, mas que muitas pessoas chegaram e eles perderam o controle, por isso começaram a controlar a entrada. Os guardas anexaram ainda ao boletim de ocorrência uma arte de divulgação, publicada em redes sociais, em que dizia que a festa era o “Baile dos Solteiros”, com cobrança de entrada de R$ 10,00 para homens e R$ 5,00 para mulheres.

Depois de reunir o proprietário da chácara com os responsáveis pela festa, os guardas conseguiram fazer com que ambos entrassem em um acordo para encerrar a festa. A maioria das pessoas deixaram o local, mas alguns insistiam em não ir embora. Assim que a Polícia Militar chegou para auxiliar na ação, as forças policiais entraram na chácara e conseguiram dispersar todos, e encerrar a festa por completo.

Uma ambulância precisou ser acionada por os policiais encontraram um homem quase em coma alcóolica, que precisou ser levado para o Pronto Socorro da Santa Casa Anna Cintra. O proprietário da chácara acompanhou todo o trabalho da GCM e da Polícia Militar, até a saída da última pessoa do local.


  Compartilhar

Assinar o Jornal



Identificação do Assinante


Digite nos campos abaixo o seu e-mail ou CPF de cadatro em nosso site e sua senha de acesso.


Esqueceu o seus dados? Fale com a gente!

Assinatura