Por: A Tribuna
11/12/2023
09:12

Um barbeiro de 47 anos, morador do Distrito de Três Pontes foi preso em flagrante na quinta-feira, 7 de dezembro, por volta das 16h30, acusado de promover estupro de vulnerável. A vítima seria um garoto de 12 anos. Segundo o registrado em boletim de ocorrência, a mão do menor teria procurado a Delegacia de Polícia de Amparo informando que o seu filho teria ido cortar o cabelo em uma barbearia do bairro.

No local o barbeiro teria começado a se esfregar na criança e após realizar o corte, mostrou o pênis para a vítima e promoveu atos libidinosos com o menor. Diante dos fatos, a autoridade policial acionou o setor de investigações para as providências pertinentes, sendo que poucos minutos após o crime o acusado foi apresentado no plantão. A prisão foi realizada pelo policiais do Setor de Investigação Gerais (SIG) de Amparo.

O Conselho Tutelar foi acionado e as conselheiras ouviram informalmente a criança que contou todo o ocorrido com riqueza de detalhes, corroborando a versão apresentada pela genitora da vítima. Diante dos fatos o indiciado foi preso em flagrante, sendo que passou pelo Pronto Socorro e sua esposa foi avisada quanto a sua prisão.

O indiciado foi apresentado para autoridade policial, que ratificou a voz de prisão e autuou o mesmo em tese pelo crime de estupro de vulnerável. O indiciado foi recolhido na Cadeia Pública de Serra Negra, ficando a disposição da justiça e aguardando audiência de custódia.

 


  Compartilhar

Assinar o Jornal



Identificação do Assinante


Digite nos campos abaixo o seu e-mail ou CPF de cadatro em nosso site e sua senha de acesso.


Esqueceu o seus dados? Fale com a gente!

Assinatura