Por: A Tribuna
12/05/2020
13:05

Cerca de 4,3 milhões de máscaras cirúrgicas chegaram ao Brasil na noite de quarta-feira, 6 de maio. Essa é a primeira remessa de um total de 240 milhões de máscaras que o Ministério da Saúde adquiriu no mercado internacional. O órgão investiu R$ 694,3 milhões para comprar os itens.

De acordo com o Ministério da Saúde, são 200 milhões de máscaras cirúrgicas e 40 milhões do tipo N95. A pasta espera que a quantidade seja suficiente para suprir a demanda da rede pública de todo o país por dois meses. O material que chegou será distribuído aos estados e municípios nos próximos dias.

As máscaras e outros Equipamentos de Proteção Individual (EPI), como óculos de proteção, avental e luvas, são fundamentais para os profissionais de saúde que estão na linha de frente de atendimento aos pacientes com a Covid-19.

“Esses equipamentos ajudam a diminuir a transmissão, tanto para os profissionais de saúde, quanto dentro do ambiente hospitalar, evitando que um paciente se contamine. É importante preservar os profissionais de saúde, porque se eles adoecem, isso causa um efeito cascata no sistema, porque os pacientes ficam mais desassistidos e acaba aumentando a mortalidade pela Covid-19”.

O Ministério da Saúde fez contratos com fornecedores nacionais e internacionais para adquirir os EPIs durante a pandemia por causa do coronavírus. O órgão afirma que já distribuiu a estados e municípios 30,6 milhões de máscaras. São 2,5 milhões do tipo N95 e cerca de 28 milhões de máscaras cirúrgicas.

Segundo Cunha, muitos países sofreram com afastamento de profissionais de saúde infectados pelo coronavírus. Por isso, ele afirma que é importante que esses trabalhadores continuem recebendo as máscaras e outros materiais de proteção.

“Pelas experiências de outros países, a gente sabe que os profissionais de saúde são infectados com uma frequência muito maior do que o restante da população. Para esses profissionais, a gente precisa de uma paramentação mais completa.” 

Para trazer da China a encomenda de 960 toneladas, o Ministério da Saúde conta com o apoio do Ministério da Infraestrutura. Serão necessários 42 voos para concluir a operação. As máscaras que chegam vão para o Centro de Distribuição e Logística e logo distribuídas aos estados e municípios.

Para mais informações sobre a Covid-19, acesse coronavirus.saude.gov.br. 


  Compartilhar

Assinar o Jornal



Identificação do Assinante


Digite nos campos abaixo o seu e-mail ou CPF de cadatro em nosso site e sua senha de acesso.


Esqueceu o seus dados? Fale com a gente!

Assinatura
situs togel slot agen toto 4d togel macau slot mahjong wayz srbnews.id bandar togel online slot demo habanero situs slot pg soft wahtogel wahtogel unsurtoto unsurtoto unsurtoto unsurtoto unsurtoto unsurtoto situs togel online situs togel online togel macau togel slot oryornoi naturalmarkeet mgjakartaselatan