Por: Maria Izabel Vasco de Toledo
31/03/2020
19:03

Não bastasse a tragédia da pandemia do coronavírus, com as milhares de mortes ao redor do mundo, um outro problema, igualmente triste, emerge dessa situação: muitos animais de estimação estão sendo abandonados à própria sorte, por um temor sem fundamento médico nem científico, de que eles também poderiam ser infectados e transmitir o vírus aos seres humanos. A OMS diz que NÃO há evidência alguma de que animais de estimação possam ficar doentes ou transmitir a COVID-19. O Batalhão de Polícia Militar Ambiental também divulgou campanha para conscientizar a população sobre o assunto. Mas, infelizmente, a ignorância e as fake news estão fazendo mais vítimas inocentes nesse período tão sombrio, mas tão necessário para revermos nossas atitudes, com relação aos outros seres, humanos e não humanos. É chegada a hora de pararmos para refletir sobre o rumo que a população mundial está tomando, com tanta falta de compaixão, tanta destruição, preconceitos, intolerâncias. Certamente esse vírus veio para nos alertar, nos ensinar de uma vez por todas que somos iguais, e todos os seres, inclusive os animais, têm direito a uma vida digna. Reiterando que não há evidência científica de que cães e gatos transmitam COVID-19. Por isso, a Comissão de Proteção e Defesa Animal da OAB de Amparo faz um apelo à população do Município para que não abandonem seus animais de estimação, denunciem essa crueldade, e chequem sempre as notícias recebidas!

Nota da redação: Maria Izabel Vasco de Toledo – Membro da Comissão de Proteção e Defesa Animal da OAB de Amparo


  Compartilhar

Assinar o Jornal



Identificação do Assinante


Digite nos campos abaixo o seu e-mail ou CPF de cadatro em nosso site e sua senha de acesso.


Esqueceu o seus dados? Fale com a gente!

Assinatura