Por: A Tribuna
05/10/2019
05:00

Hoje, sábado, 5 de outubro, uma ação da Prefeitura de Amparo, com as Secretarias de Saúde, Educação, Núcleo de Controle a Zoonozes e People-Tech and English acontece na Praça Pádua Salles. Na ocasião, equipes do NCZ e People realizarão a distribuição de vasos de Clotalária, gratuitamente. As sementes foram plantadas por alunos Rede Municipal de Ensino e APAE, que também contaram com aulas explicativas sobre a preservação da natureza e importância para o Meiom ambiente.

A Clotalária atrai a libélula, inseto predador do mosquito Aedes aegypt, que transmite a Dengue, Zika Vírus e Chicungunha. 

A planta

Flores amarelas por todos os lados no jardim de casa. Sentiu a boa energia e a beleza? Agora, imagine flores amarelas que são um repelente natural de combate ao mosquito causador da Dengue. Prazer, eu sou a Crotalária Juncea, uma leguminosa, tipicamente plantada após a retirada das produções em lavouras, um tipo de adubação verde. Vinda da lavoura, a Crotalária vem ganhando cada vez mais espaço nos jardins de casas e empresas. Isso porque se descobriu nela uma poderosa arma biológica para o controle da Dengue.

Crotalária atrai a libélula, um inseto predador do mosquito da Dengue. Com o plantio da Crotalária no jardim ou quintal de casa, ou até no jardim da empresa, a libélula, que busca colocar ovos em água parada, assim como o mosquito Aedes aegypti, vai depositar seus ovos, essas larvas vão se alimentar das larvas do mosquito transmissor da Dengue acabando com aquele foco. O mesmo acontece com a libélula adulta; ela é predadora e se alimenta de pequenos insetos, incluindo o Aedes aegypti. Assim, quebra-se a cadeia reprodutora do mosquito da Dengue. Mas, atenção: as outras armas de combate, como manter quintais e jardins limpos e sem água parada, continuam. A Crotalária vai ajudar no combate à infestação, mas os cuidados em casa ou na empresa permanecem. Fique atento.  A Crotalária Juncea cresce de 60 centímetros a, no máximo, 1 metro de altura. Se bem cuidada, ela floresce em até 90 dias. O manejo deve ser feito justamente nessa fase de florescimento, quando o adubo verde apresenta o máximo acumulado de nutrientes. Esse é o momento em que normalmente o mosquito da Dengue já é mandado para bem longe de casa. Em algumas cidades do país, como em Sorriso, no Mato Grosso, sementes de Crotalária estão sendo plantadas pela cidade, que num único mês de pleno verão, com chuvas intensas, não registrou nenhum caso de Dengue depois que as sementes foram espalhadas pelo município.


  Compartilhar

Assinar o Jornal



Identificação do Assinante


Digite nos campos abaixo o seu e-mail ou CPF de cadatro em nosso site e sua senha de acesso.


Esqueceu o seus dados? Fale com a gente!

Assinatura