Por: A Tribuna
18/12/2019
10:12

A equipe da Central de Regulação e Agendamentos da Secretaria Municipal de Saúde do município de Serra Negra tem logrado êxito em conseguir vagas no ‘Bolsão da Saúde’, que o Governo do Estado disponibiliza para realização de exames e cirurgias. No mês de outubro, foram 68 exames de tomografia e em novembro, 3 consultas de mastologia. Em dezembro, já conquistaram 24 vagas para cirurgias de hérnias, reduzindo em praticamente 50% a fila de espera dessa cirurgia (hérnias).

A informação é da coordenadora da Central de Regulação e Agendamentos do município, enfermeira Thaís de Moura, que explica como funciona essa ‘captura’ de vagas no Estado. “Todo início e fim de mês o Estado disponibiliza pelo Sistema Cross* aquelas vagas que não foram utilizadas. O município precisar estar atento, selecionar a especialidade que necessita e garantir a cota. Quem chegar primeiro ‘pega’! E nós, aqui de Serra Negra, conseguimos ‘pegar’ 24 novas vagas para cirurgias de hérnias em dezembro”.

A secretária municipal de Saúde, Teresa Cristina Fernandes, enfatiza que não basta só garantir a vaga, por isso o mérito é todo da equipe da Central de Regulação e Agendamentos. “Primeiro, se o município não viabilizar os exames em tempo hábil para garantir a realização das cirurgias, no próximo mês não receberá a mesma cota e credibilidade. Ainda, é preciso ter gestão para atender todas as exigências em um prazo muito curto: fazer contato com os pacientes, agendar o transporte, autorizar os exames laboratoriais para garantir que o paciente possa estar apto no dia da consulta ou cirurgia”, detalha ela.

Thaís conta que o prazo entre saber da disponibilidade da vaga até a realização do procedimento, é de cerca de três dias e, por isso, muitos municípios não conseguem. “Nós chegamos antes do horário de abertura de vagas. Vemos a quantidade que precisamos e clicamos para garantir. Depois, no mesmo dia, temos que ligar para o paciente, ver se ele ainda precisa do procedimento, pedir um atendimento diferenciado no laboratório para os exames e reservar o carro. É como se fosse um presente para nós!”, declara.

Os 24 pacientes de hérnia foram avisados no dia 4 e, no dia 7, estavam no Hospital Regional de Jundiaí para agendar a cirurgia. “Eles têm que confirmar no dia se querem ou não o procedimento”, reforça Thaís.

Mais 56 cirurgias com emenda parlamentar

Outra ação da Secretaria Municipal de Saúde de Serra Negra foi a viabilização de 56 cirurgias de ginecologia e ortopedia com uma emenda parlamentar no valor de R$ 340 mil. As intervenções estão sendo realizadas no Hospital Santa Rosa de Lima.


  Compartilhar

Assinar o Jornal



Identificação do Assinante


Digite nos campos abaixo o seu e-mail ou CPF de cadatro em nosso site e sua senha de acesso.


Esqueceu o seus dados? Fale com a gente!

Assinatura