USP vai investir R$ 1 milhão em projetos na área de inteligência artificial

Inteligência artificial é qualquer sistema que utilize dados e algoritmos de aprendizado de máquina para tomar decisões – Imagem: Portal GDA via Flickr – CC

A Pró-Reitoria de Pesquisa está selecionando propostas de unidades, museus e institutos especializados da USP para o financiamento de projetos relacionados à área de inteligência artificial.
Os recursos, da ordem de R$ 1 milhão, serão destinados a pesquisas que façam uso de sistemas digitais inteligentes (com recursos de inteligência artificial ou aprendizado de máquina) em áreas como políticas de saúde, medicina de precisão, cidades inteligentes, sistemas econômico-financeiros, ética e sociedade, mobilidade, modelagem molecular, planejamento de fármacos, energias renováveis, avaliação de dados gerais (incluindo dados científicos), entre outras.
Entende-se por sistema digital inteligente qualquer sistema que utilize dados e algoritmos de aprendizado de máquina para tomar decisões.
“Nosso programa vai financiar pesquisas que estão na vanguarda do conhecimento. Para a Universidade, que já desenvolve estudos nessas áreas, esse edital indutivo é fundamental para traçar novas perspectivas e fazer um planejamento mais amplo de financiamento”, destaca o pró-reitor de Pesquisa, Sylvio Roberto Accioly Canuto.
Para o vice-reitor da USP, Antonio Carlos Hernandes, “o lançamento do edital na área de inteligência artificial é mais uma das ações que a Universidade tem posto em prática nesta gestão no sentido de fazer avançar a excelência em áreas estratégicas e de relacionamento com a sociedade. A volta de investimento indutivo em pesquisa reflete o resultado já realizado na modernização da administração universitária. Ao mesmo tempo, a Pró-Reitoria de Pesquisa contribui com nossos pesquisadores na busca de parcerias e com o avanço do conhecimento em sistemas inteligentes”.

Modalidades

As propostas serão analisadas em duas modalidades. Na modalidade Universal, todos os professores da USP podem apresentar projetos, que podem ser individuais ou em grupos e envolver pesquisadores colaboradores, estudantes, pós-doutorandos e servidores não docentes, desde que coordenados por um docente da USP.
O produto final de cada proposta deve ser um sistema digital inteligente relacionado ou direcionado a qualquer área de interesse da USP ou da sociedade.
O valor máximo de cada proposta, incluindo bolsas para alunos de graduação, é R$ 20 mil.
Na modalidade Articulação de Grandes Projetos, serão apoiados grupos de docentes que queiram se articular para fazer propostas de sistemas digitais inteligentes de grande porte. A equipe proponente deve ser coordenada por um docente da USP, podendo incluir participantes de outras instituições do Brasil e do exterior.
O produto final de cada proposta deve ser um projeto de pesquisa e desenvolvimento, a ser submetido para agência de financiamento, órgão governamental ou iniciativa privada. O valor máximo de cada proposta, incluindo bolsas, é R$ 80 mil.
O prazo para o envio das propostas é 17 de dezembro e a relação dos contemplados será divulgada em março de 2019. O edital completo está disponível no site da Pró-Reitoria. (Fonte: Jornal da USP)

Comentários

comentários