Bolsonaro e Doria vencem nas cidades da região

O candidato do PSL, Jair Bolsonaro, acompanhado da esposa, vota no Rio de Janeiro no último domingo, 28 de outubro/Foto: Tânio Rego (ABr)

O candidato a presidente pelo PSL, Jair Bolsonaro, foi o mais votado na eleição do segundo turno em Amparo. Ele obteve 29.332 votos, o que corresponde a 80,63% dos votos. O candidato do PT, Fernando Haddad, obteve em Amparo 7.048 votos, o que corresponde a 19,37% do total. No primeiro turno, Bolsonaro obteve 63,95% dos votos no município, totalizando 24.111. Já Haddad havia obtido 3.005 votos, o que corresponde a 7,9%. A eleição do segundo turno aconteceu no domingo, 28 de outubro.
Na região do Circuito das Águas, os resultados para presidente foram muitos próximos. Bolsonaro recebeu mais de 80% dos votos em Amparo, Serra Negra, Monte Alegre do Sul, Águas de Lindóia, Pedreira, Lindóia e Itapira. O seu pior desempenho foi em Jaguariúna, onde obteve 77,77% dos votos. Já o candidato do PT teve o seu melhor desempenho em Jaguariúna, onde obteve 22,23% dos votos. O segundo melhor desempenho de Haddad foi em Monte Alegre do Sul, seguido de Amparo.
Na região, a cidade com maior número de votos brancos foi Itapira, com um total de 3,33%. Já em relação aos votos nulos, o maior percentual foi registrado em Monte Alegre do Sul, com um total de 10,51%.
A cidade que registrou a maior abstenção foi Serra Negra, com um total de 26,94%. Na segunda colocação, aparece Amparo, com um total de 24,05%. A abstenção em Amparo foi muito próxima da registrada no primeiro turno, que totalizou 24,01%.

Disputa pelo Governo do Estado

Na região, o melhor desempenho do governador eleito, João Doria, foi em Amparo. Ele recebeu 72,49% dos votos, o que corresponde a 24.665. O candidato do PSB, Márcio França, obteve em Amparo 9.362 votos (27,51%). No primeiro turno, o candidato do PSDB, João Doria, foi o mais votado em Amparo. Ele obteve 15.057 votos, o que corresponde a 46,40% dos votos válidos. Na segunda colocação, ficou Paulo Skaf (MDB), com 5.561 votos, o que corresponde a 17,14% dos votos. Na terceira colocação, ficou Márcio França (PSB), com 4.647 votos, o que corresponde a 14,32%.
Na região, o pior desempenho de Doria foi em Pedreira, onde obteve 59,81% dos votos.

Resultado final no Brasil e em São Paulo

Jair Bolsonaro foi eleito presidente do Brasil com 57.797.847 votos (55,13%). Fernando Haddad obteve 47.040.906 votos (44,87%). No Estado de São Paulo, Bolsonaro obteve 67,97% dos votos contra 32,03% dados para o candidato do PT.
Já na disputa pelo Governo do Estado, João Doria venceu após receber 10.990.350 votos (51,75%). Márcio França totalizou 10.248.740 votos (48,25%).

Comentários

comentários