“A Felicidade Não Se Compra” será exibido na segunda-feira

Na segunda feira, 17 de dezembro, o Projeto Luz & Sombras apresenta mais um grande clássico do Cinema , “A Felicidade Não Se Compra”. A exibição acontece no Auditório da Sede Administrativa da Unimed Amparo, na Avenida Saudade nº 369 – Bairro do Ribeirão. Entrada livre para todo o público. A sessão tem início às 19h. Este filme é recomendado para toda a família e a censura livre.
“A Felicidade Não Se Compra” tem no seu elenco: James Stewart, Donna Reed, Thomas Mitchell, Lionel Barrymore, Henry Travers, Beulah Bondi, Gloria Grahame e Ward Bond. O roteiro é de Frances Goodrich, Albert Hackett e Frank Capra, baseado em estória de Philip Van Doren Stern. A música é de Dimitri Tiomkin, produção e direção de Frank Capra. Original em Preto e Branco.
Um filme é da RKO Radio Pictures Inc./Liberty Films de 1946.

Sinopse

Um espírito desencarnado pretende tornar-se um anjo e, para ganhar as suas asas, recebe de Deus a missão de ajudar um valoroso empresário que, em virtude de grave problema financeiro, provocado por desonesto banqueiro, tem a intenção de se suicidar.
James Stewart brilha como sempre na tela, oferecendo uma ótima performance neste filme, contracenando com Donna Reed, que faz o papel de sua esposa “também perfeita”. Ela é compreensiva, amorosa e companheira em todas as situações. O trabalho e a química entre os dois funcionaram muito bem.
Com um excelente roteiro, o filme apresenta diversos argumentos sobre uma felicidade que o dinheiro simplesmente não pode comprar. George o personagem vivido por James Stewart nos faz refletir a respeito dos verdadeiros valores da vida.
George Bailey (James Stewart) é um jovem que sonha em crescer na vida e ajudar o mundo a ser melhor, desde pequeno. Ele cresce e sua vontade de vencer na vida também. George manteve a firma de seu pai, um Banco “diferente” dos padrões normais. Lá tudo era feito para ajudar as pessoas que necessitavam de dinheiro para melhorar sua vida, mas sem a cobrança dos tradicionais juros absurdos.
E a história do filme apresenta diversas cenas que demonstram esse lado humanitário.
O romantismo também se faz presente em cenas magistrais. “A Felicidade Não Se Compra” tem muito a oferecer, e isso só foi possível graças ao grande trabalho de Frank Capra na direção. Um ousado filme que, em suas doces cenas, mostra que é possível construir um mundo melhor.
A fotografia em preto e branco é bela, digna de montar um quadro com qualquer frame do filme e conta com a trilha sonora de Dimitri Tiomkin.
“A Felicidade Não Se Compra” tem um impacto emocional e, apesar de contar com 72 anos de existência, não envelheceu, muito pelo contrário: está ainda melhor e muito atual e também permite ao espectador refletir sobre os valores humanos neste século XXI. Com várias indicações ao Oscar, como direção, ator (para James Stewart), edição e som, esse filme é considerado um clássico absoluto do notável Frank Capra.

Comentários

comentários