#voltaaobrasildehondabiz

Márcio do Bar, dando sequência à sua aventura #voltaaobrasildehondabiz, deixou a cidade de Mossoró/RN indo para Juazeiro do Norte. Lá ele aproveitou para conhecer a estátua de Padre Cícero e pediu proteção para continuar a viagem. Do alto do horto onde fica situada a estátua, tem-se uma visão de toda Juazeiro e de mais duas cidades, Crato e Barbalha. A estátua é um ponto de peregrinação permanente. Depois, ele seguiu para a cidade de Serra Talhada; esta cidade é conhecida como a capital do xaxado e fica a 415 km da capital pernambucana, Recife. Serra Talhada é a segunda cidade mais importante do Sertão de Pernambuco e o principal município da Mesorregião do Sertão Pernambucano. É a terra natal do cangaceiro Virgulino Ferreira da Silva (Lampião). Um destaque são as roupas usadas pelos cavaleiros. Ele também aproveitou para visitar o Museu do Cangaço.

A próxima cidade que Márcio conheceu foi Triunfo; segundo ele, esta cidade é a de temperatura mais fria do Estado de Pernambuco. Depois, ele foi para Caruaru, onde conheceu a tradicional Feira de Caruaru, conhecida por ser uma das maiores feiras ao ar livre do mundo; ela foi tombada como patrimônio imaterial do país pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN). Seu artesanato com barro ficou mundialmente conhecido pelas mãos de Vitalino Pereira dos Santos, o Mestre Vitalino, que representou Pernambuco na exposição de Arte Primitiva e Moderna Brasileira no ano de 1955, em Neuchâtel, na Suíça, e cujas obras podem ser contempladas no Museu do Louvre, em Paris, e em sua antiga residência no Alto do Moura, bairro caruaruense. Depois, o aventureiro passou em Campina Grande e em Touros; esta última cidade está situada em uma área em que o litoral brasileiro faz um curva, o que lhe confere o apelido de “esquina do Brasil”.

Atualizando o GPS

No momento, Márcio está conhecendo a Praia de Pipa, há 85 quilômetros de distância de Natal; ela está localizada no município de Tibau do Sul. Depois, ele deve seguir para Recife.

Comentários

comentários