Os olhos na mira da beleza

Todo mundo, pelo menos uma vez na vida, teve olheiras, aquelas famigeradas manchas azuladas ou arroxeadas sob os olhos.
Primeiramente é preciso entender que a pele ao sob os olhos é muito, muito mais fina, do que a pele do restante do corpo. Com o tempo, perde a elasticidade e hidratação natural por isso o uso de cremes específicos é importante. E se as olheiras passaram a ser constantes, daí é preciso usar cosméticos específicos para este tipo de situação. A visita ao dermatologista é essencial.
Os cremes antioxidantes são uma boa opção. O uso destes deveria começar desde o início da idade adulta, respeitando a faixa cronológica de cada um. Hidratar e proteger a pele do rosto e a pele ao redor dos olhos é essencial.
Além da predisposição genética, outros fatores podem contribuir para o aparecimento de olheiras. Nesta lista estão o cansaço, estresse, noites mal dormidas, fumo e bebidas alcoólicas em excesso.
Geralmente, as marcas arroxeadas ou azuladas vêm acompanhadas de bolsas sob os olhos. Normalmente, as bolsas são mais visíveis ao acordar e, com suaves massagens tendem a desaparecer porque são resultado de retenção de líquido.
As tais bolsas são bem mais difíceis de camuflar porque podem aparecer em consequência de excesso de tecido gorduroso sob os olhos e daí elas somente serão eliminadas com cirurgia.

A pele ao redor dos olhos pede cuidados especiais. É fundamental manter a área hidratada para isso usar produtos específicos. Vale a pena o investimento / GB Imagem

Muitas vezes as bolsas e olheiras são o resultado de alimentação inadequada, muito rica em sal e carboidratos processados que ajudam na retenção dos líquidos.
Os especialistas recomendam o uso de cremes de contorno dos olhos que contenham cafeína porque promovem a contração dos vasos sanguíneos e ajudam a reduzir o inchaço.
Apesar de ser essencial consultar o dermatologista para indicar qual o tipo de dermocosmético mais eficaz para cada caso, é bom conhecer como funciona alguns componentes que prometem tratar as olheiras.
Por exemplo, a vitamina K 1 pode evitar pequenas hemorragias que escurecem a pele sob os olhos. O ácido kójico e o ácido fítico oferecem bons resultados. E tem ainda o ácido tioglicólico, vitamina C e vitamina E que proporcionam ação clareadora.
Na hora da maquiagem, os corretivos faciais facilitam muito na hora de camuflar as olheiras. Prefira sempre as versões líquidas porque não produzem o indesejável efeito “craquelado” nas peles que têm marcas de expressão ou rugas.
De um modo geral, é indicado manter sempre a pele do rosto hidratada e protegida dos efeitos nocivos dos raios do sol e não negligenciar a pele ao redor dos olhos.
Se possível, faça uso das técnicas de relaxamento para aliviar a tensão do dia-a-dia. O estresse é um dos causadores das olheiras e aparência cansada de um modo geral. Faça você mesmo massagens faciais, priorizando a região dos olhos, sempre de modo suave, com os dedos indicadores percorra as pálpebras até as têmporas e na parte inferior faça o mesmo movimento, de dentro para fora.
Os truques de maquiagem valem muito na hora de esconder as olheiras. Falando mais uma vez dos corretivos, estes devem ser mais claros que a base e aplicados com leves batidinhas na pele. Aplique também na pálpebra superior.
Dica de ouro: sombra azul, berinjela ou lilás deixam os olhos mais fundos e lápis preto fazem sombra na região dos olhos. Se você tem olheiras, prefira sombras mais claras e lápis de contorno em tons nude ou branco porque eles parecem abrir mais o olhar. Fica a dica!

Comentários

comentários